Cientista do Vaticano entre o profano e o sagrado

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

"Extraterrestres poderiam existir, mas não há fortes evidências para que de facto existam", declarou o principal astrónomo do Vaticano, o padre Gabriel Funes, no final uma conferência sobre a vida extraterrestre.

Ainda o padre Funes : "A possibilidade da existência de vida extra-terrestre não entra em conflito com nossa fé, pois não se pode delimitar a divindade criadora de Deus", acrescentando que os extra-terrestres talvez não precisassem ser "salvos" para entrar no Paraíso, especialmente se fossem "mais evoluídos" que os humanos.

Ler tudo aqui

Comentário: "Deus poderá existir. Mas de facto, há fortes evidências para que não exista."

2 comentários:

Daniel Gomes disse...

Estes parasitas fazem de nós "gato sapato". Pensam que podem gozar com todo o mundo e tapar-nos os olhos.
Agora estão a ver se conseguem colmatar a insuficiência da bíblia quanto à possibilidade de existência de vida extraterrestre (pois o Deus bíblico nunca falou nela...alias nem sabiam que a terra era redonda) através do argumento que os ET´s seriam demasiado evoluídos para irem para o céu.
Os otários esqueceram-se de assumir que os ET´s podem ser menos evoluídos do que nós...

O Comendador disse...

nem mais, sem tirar nem pôr.
Não tendo deus previsto esta bizarrice dos alienígenas, há que inventar novas "teorias" para acrescentar à conspiração da criação. O pior é que a crendice pia tem muita dificuldade em acompanhar os avanços da ciência. Logo, haverá num futuro próximo uma necessidade premente e insofismável de fazer um upgrade na bíblia, caso contrário, os filhos dos nossos filhos olharão para a bíblia, tal como hoje os nossos filhos olham para os livros do Harry Potter.

eXTReMe Tracker

  © Feira das Conspirações! - Santa Maria da Feira - Portugal - Maio/2008

Voltar ao Início